EPQB EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ EPQB - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Busca 
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!
This is an example of a HTML caption with a link.
Formulário de Busca
×

Páginas dos Livros nos Sites das Editoras

Ver Legenda   Página Existente
  Página não encontrada

  1. A Aprendizagem Tecnológica no Brasil
  2. Análise Térmica de Materiais
  3. Aproveitamento Energético e Caracterização de Resíduos de Biomassa
  4. Biocatálise e Biotransformação
  5. Biocombustíveis no Brasil
  6. Biomassa para Química Verde
  7. Chemistry Beyond Chlorine
  8. Compositional Grading in Oil and Gas Reservoirs
  9. Controle e Monitoramento de Poluentes Atmosféricos
  10. Dinâmica, Controle e Instrumentação de Processos
  11. Economia da Energia
  12. Engenharia de Processos
  13. Gestão em Biotecnologia
  14. Glycerol - A Versatile Renewable Feedstock for the Chemical Industry
  15. Handbook of Fruit and Vegetable Flavors
  16. Inovação - O Combustível do Futuro
  17. Mapeamento Tecnológico de Polímeros Furânicos
  18. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 1: Hidrocraqueamento de Frações Pesadas
  19. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 2: Hidrotratamento de Destilados
  20. Modelagem e Controle na Produção de Petróleo
  21. Monoethylene Glycol as Hydrate Inhibitor in Offshore Natural Gas Processing
  22. Olefinas Leves - Tecnologia, Mercado e Aspectos Econômicos
  23. Oportunidades em Medicamentos Genéricos
  24. Panorama e Perspectivas da Estocagem Geológica de Gás Natural
  25. Patenteamento & Prospecção Tecnológica no Setor Farmacêutico
  26. Planejamento de Experimentos usando o Statistica
  27. Potencialidades do Cajueiro
  28. Processos Inorgânicos
  29. Reologia e Reometria - Fundamentos Teóricos e Práticos
  30. Reúso de Água em Processos Químicos
  31. Setores da Indústria Química Orgânica
  32. Technology Roadmap
  33. Tecnologia do Hidrogênio
  34. Tecnologia Enzimática
  35. Tecnologias de Produção de Biodiesel
  36. Technological Trends in the Pharmaceutical Industry
  37. Tendências Tecnológicas no Setor Farmacêutico
×

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2009

Estudo Fisiológico e Morfológico da Aplicação de Estresse Eletroquímico em Cultivos de Leveduras

Autor: André Allan Catarino de Oliveira
Orientadoras: Ofélia de Queiroz Fernandes Araújo, Priscilla Filomena Fonseca Amaral

Resumo

A levedura Saccharomyces cerevisiae é um dos melhores modelos de sistema eucariótico unicelular, pois seu metabolismo, semelhante ao de eucariotos superiores, com mecanismos próprios de ativação metabólica (citocromo P450) tornam este microorganismo uma valiosa ferramenta de estudo do metabolismo e fisiologia celular.

Esta levedura destaca-se por realizar uma rápida conversão de açúcar a etanol e CO2. O controle da concentração inicial de açúcar em valores baixos impede a fermentação, porém elevados valores de concentração promovem a repressão catabólica, acompanhada da diminuição do rendimento em biomassa.

Há um interesse especial em controlar fluxos metabólicos bem como avaliar a relação entre o consumo de glicose e o ciclo celular, que é determinado pelo número de divisões que a levedura realizou, através das cicatrizes de quitina deixadas pelo processo de gemulação.

Yarrowia lipolytica é uma levedura estritamente aeróbia com alta capacidade de gerar produtos de alto valor agregado (grande interesse industrial) como lipases, ácido cítrico e proteínas unicelulares, além de várias enzimas como lipases, proteases, esterases e fosfatases. Atualmente a utilização mais importante dessa levedura é a produção de lipases devido à ampla aplicabilidade desse produto, como por exemplo, degradação de óleos e gorduras.

Células de Y. lipolytica apresentam lipases extracelulares e ligadas à célula. Células eucarióticas podem responder a uma variedade de estresses ambientais tais como disponibilidade de nutriente, entre outras (pH, temperatura, agitação etc.). Respostas celulares a estresse elétrico foram estudadas no presente trabalho. Foi constatado através dos resultados uma melhoria no consumo de substrato e "excreção" de lipase e etanol. Além disso, notou-se que esse tipo de estresse não prejudica a viabilidade celular.

Inscrições abertas para mestrado até 04/07/2018